Zoo japonês pede desculpas após batizar macaca de 'Charlotte'

(AFP) Direito de imagem AFP
Image caption Instituição foi duramente criticada por público, que achou iniciativa "desrespeitosa"

Um zoológico japonês pediu desculpas após batizar uma macaca recém-nascida de "Charlotte", em homenagem a nova princesa britânica, nascida no sábado.

O zoológico Takasakiyama Zoo, no sudoeste do Japão, foi criticado após anunciar a escolha do nome do animal na quarta-feira, segundo a agência de notícias japonesa Kyodo News.

De acordo com a rede de TV NTV News 24, a instituição alegou que o nome foi escolhido mediante votação popular, uma tradição com o primeiro filhote de macaco-japonês nascido todos os anos. 'Charlotte' obteve 59 dos 853 votos registrados.

O público, no entanto, disse ser um "desrespeito" batizar um macaco com o nome de uma princesa, informou o site de notícias japonês Japan Times.

Logo após a escolha, o zoológico recebeu várias reclamações de pessoas pedindo para que o nome fosse alterado, afirmando que os japoneses não gostariam de ver um macaco britânico sendo batizado com o nome de um membro da realeza do país, acrescentou a Kyodo News.

O zoológico divulgou em seu site um pedido de desculpas. No comunicado, a instituição alega que leva a sério as preocupações das pessoas e diz estar discutindo um novo nome para o animal.