BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 05 de janeiro, 2005 - 04h07 GMT (02h07 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Igreja vai pagar US$ 100 mi a vítimas de abusos
 
Igreja Católica foi atingida por escândalos em todo o mundo
Igreja pagará US$ 100 milhões a 87 vítimas
A Justiça americana anunciou oficialmente nesta terça-feira o acordo pelo qual a Igreja Católica Romana da Califórnia pagará a quantia recorde de 100 milhões de dólares em indenizações a vítimas de abusos sexuais.

O acordo, que havia sido adiantado pelo jornal Los Angeles Times no mês passado, beneficia 87 pessoas que dizem ter sido abusadas sexualmente por padres e outros membros da diocese do condado de Orange.

Trata-se do maior valor pago por uma diocese nos Estados Unidos, excedendo os US$ 85 milhões pagos pela diocese de Boston, a primeira a ser envolvida em denúncias de abusos sexuais.

A diocese vai pagar metade dos US$ 100 milhões e o restante deverá ser pago por oito seguradoras.

Pedido de desculpas

O bispo Tod Brown pediu desculpas na Suprema Corte de Los Angeles e divulgou milhares de páginas em documentos sobre abusos cometidos por clérigos católicos.

"Todos nós estamos aqui hoje porque coisas terríveis aconteceram. Os abusos sexuais de menores tomaram lugar no nosso seio", afirmou Brown, durante uma entrevista coletiva, acompanhada por algumas das vítimas.

"O reconhecimento do que aconteceu conosco faz diferença," disse Max Fisher. "Nós não somos mais supostas vítimas. Isso, para mim, significa mais do que qualquer outra coisa."

Os escândalos de abuso sexual de menores vieram à tona em Boston em 2002 e atingiram a Igreja Católica nos Estados Unidos e em todo o mundo.

A instituição está negociando com advogados de vítimas em todo o país, em processos cujo custo poderá passar de US$ 1 bilhão.

Muitas dioceses foram forçadas a declarar falência porque não têm como indenizar a todos aqueles que foram vítimas de abusos.

As negociações entre a diocese do condado de Orange e as vítimas levaram dois anos.

Segundo a agência de notícias Associated Press, as alegações que geraram o processo se referem a abusos cometidos entre 1936 e 1996.

 
 
Em imagens
Sobreviventes do maremoto fazem fila por comida.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
 
 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade