BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 19 de outubro, 2007 - 04h34 GMT (01h34 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Bombas matam mais de 120 na volta de ex-premiê ao Paquistão
 
Carro queima após explosão em Karachi
Imagens de TV mostraram cenas de caos após explosões em Karachi
Mais de 120 pessoas morreram e dezenas de outras ficaram feridas depois que duas bombas explodiram junto a uma multidão que acompanhava a comitiva da ex-primeira-ministra Benazir Bhutto em Karachi, no Paquistão.

Bhutto, que voltou ao país nesta quinta-feira após um exílio voluntário de oito anos, seguia com sua comitiva por ruas movimentadas da cidade em direção ao aeroporto de Karachi para participar de um ato de comemoração por seu retorno.

A ex-primeira-ministra saiu ilesa das explosões, mas o veículo em que viajava teve as janelas quebradas e uma porta arrancada.

As explosões ocorreram depois quando a comitiva passava lentamente por uma multidão de mais de 100 mil pessoas que acompanhavam a passagem de Benazir Bhutto.

Vários grupos islamistas, inclusive militantes pró-Talebã, fizeram ameaças a Bhutto.

O presidente do Paquistão, Pervez Musharraf, disse que o ataque foi uma "conspiração contra a democracia".

"O presidente lançou um apelo à nação e especialmente ao povo de Karachi que tenha paciência e calma nesta hora", disse nota emitida por seu gabinete.

O governo dos Estados Unidos condenou os atentados em Karachi.

Bhutto, que pertence a uma importante dinastia política do país, retornou ao Paquistão para negociações com o presidente Pervez Musharraf sobre uma possível divisão de poder, em que ela poderia voltar a ocupar a posição de primeiro-ministro.

O acordo conta com apoio dos Estados Unidos em meio a preocupações com a inabilidade dos militares paquistaneses de derrotar os militantes islamistas e com a crescente impopularidade de Musharraf.

 
 
Bomba em KarachiPaquistão
Bombas explodem na chegada de Benazir Bhutto.
Veja
 
 
Benazir Bhutto retorna ao PaquistãoA volta
Bhutto retorna ao Paquistão.
Veja
 
 
A ex-primeira-ministra do Paquistão, Benazir BhuttoAnálise
Ex-premiê dá tiro no escuro ao voltar ao Paquistão.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade