BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 18 de novembro, 2007 - 23h49 GMT (21h49 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Berlusconi anuncia criação de novo partido
 
Berlusconi
Berlusconi dividiu aliados com pedido de novas eleições
O ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi anunciou neste domingo a formação de um novo partido de centro-direita.

Berlusconi, que atualmente lidera a oposição ao premiê Romano Prodi, disse que o Partido das Liberdades do Povo será "aberto" e irá contra as lideranças do que chamou de velha política.

"Venham conosco, contra a velha política, para formar um novo grande partido do povo", disse o ex-premiê, em discurso a partidários numa praça no centro de Milão.

Berlusconi disse que apresentará o novo partido formalmente nesta segunda-feira. Segundo ele, o Partido das Liberdades do Povo incorporará o Forza Italia, partido ao qual ele pertence atualmente.

Há anos Berlusconi defende a criação de um partido que reúna todas as forças de centro-direita.

Aliados

Mas não está claro se o novo partido de Berlusconi terá a adesão que ele espera. O empresário de 71 anos que governou a Itália até 2006 vem sendo acusado até por aliados de investir numa estratégia equivocada ao insistir num pedido de convocação de novas eleições gerais.

Em entrevista ao jornal La Repubblica, um dos seus principais aliados, Gianfranco Fini, sugeriu que a pressão para que se convoque novas eleições é contraproducente e defendeu que a centro-direita precisa mostrar que pode se unir e oferecer uma alternativa ao país.

Por outro lado, Berlusconi disse que o Forza Italia conseguiu reunir 7 milhões de assinaturas em toda a Itália pedindo que o presidente Giorgio Napolitano dissolva o Parlamento e chame uma nova eleição.

As pressões sobre o ex-primeiro-ministro, que perdeu as eleições de 2006 para Prodi por pouco, aumentaram na semana passada, depois que o governo conseguiu aprovar no Senado uma proposta de Orçamento. Berlusconi havia dito não só que a medida não passaria como que ela provocaria a queda de Romano Prodi.

 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade