BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às:
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Francesa 'ensina' a manter emprego sem trabalhar
 
Corinne Maier critica gerentes 'inúteis' de médio escalão
Um livro que ensina trabalhadores a enrolar nos seus empregos está causando polêmica na França.

Bonjour Paresse (Bom Dia Preguiça) se propõe a difundir “a arte de trabalhar o menos possível para o seu empregador”.

O livro foi escrito como uma paródia de obras que ensinam como fazer sucesso em grandes corporações.

A autora, Corinne Maier, trabalha como consultora na área de economia para a EDF, estatal francesa do setor elétrico. A empresa iniciou um processo disciplinar contra a funcionária.

A EDF está sendo parcialmente privatizada para que se torne mais eficiente, e a diretoria acha que o livro de Maier prejudica a companhia.

Gerentes inúteis

Bonjour Paresse não faz menção direta à EDF.

Em capítulos com título como “Cultura Corporativa – Gente Estúpida”, o livro ataca os “inúteis” gerentes de médio escalão.

E diz que “você não tem muito a perder se não fizer muito no trabalho”.

Maier aconselha o leitor a escolher os tipos mais inúteis de trabalho, como o de consultor, especialista ou conselheiro.

A escritora enfrentará a diretoria da EDF em uma audiência no dia 17 de agosto.

Se seguir seu próprio conselho, trará uma pilha de arquivos polpudos debaixo do braço.

Segundo ela, essa é a melhor maneira de evitar perguntas da chefia sobre o que exatamente ela fez o dia todo.

 
 
LINKS EXTERNOS
 
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade