BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 20 de setembro, 2004 - 23h08 GMT (20h08 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Tropas brasileiras ajudam vítimas de tempestade no Haiti
 

 
 
Haitiana ferida em enchente é socorrida por tropas da ONU em Gonaives
Tropas argentinas representam missão em Gonaives
As tropas brasileiras que participam da Minustah, força de paz da ONU no Haiti, passaram a auxiliar nos últimos dias as pessoas atingidas pela tempestade tropical Jeanne, que causou centenas de mortes e muita destruição no país.

De acordo com o tenente-coronel Antonio Carlos Faillace, porta-voz das tropas do Brasil no Haiti, os brasileiros estão ajudando as forças argentinas nos trabalhos de ajuda às vítimas da cidade de Gonaives (noroeste do país), na região mais afetada pelas chuvas.

"O setor de Gonaives é de responsabilidade da Argentina", disse Faillace em entrevista à BBC Brasil.

"Entretanto, no domingo, logo na parte da manhã, por solicitação da Minustah, nós enviamos um pelotão de 30 militares para auxiliar especificamente na assistência humanitária junto à tropa argentina."

Prontidão

O tenente-coronel Faillace afirma que, caso haja necessidade, a missão brasileira no Haiti está preparada para enviar mais soldados à região de Gonaives.

"A solicitação de cooperação da nossa parte vem do próprio comando da Minustah", afirmou o porta-voz. "Nós estamos sempre prontos para prestar esse auxílio quando for solicitado."

"No domingo de madrugada, à 1h da manhã (2h, hora de Brasília), nós fomos acionados por conta dessa assistência à tropa argentina", conta Faillace. "Às 7h da manhã, já estava decolando um helicóptero com esses 30 militares."

As chuvas dos últimos dias castigaram o Haiti, mas as autoridades ainda têm encontrado dificuldades para fazer um balanço preciso dos estragos e do número de vítimas.

"Em termos de pessoas desabrigadas, mortos e desaparecidos, as informações são desencontradas", afirmou o tenente-coronel brasileiro.

"O que nós sabemos é que a situação em Gonaives está bastante delicada, com casas soterradas e ruas alagadas", acrescentou Faillace. "As chuvas foram torrenciais e nós temos a informação de que houve inundações e desmoronamentos."

 
 
O furacão Ivan, em imagem de satéliteUm atrás do outro
Fase 'hiperativa' de furacões pode durar anos, dizem cientistas.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
 
 
LINKS EXTERNOS
 
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade