70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 21 de dezembro, 2005 - 11h31 GMT (09h31 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Zôo oferece recompensa por devolução de filhote de pingüim
 
Pingüim
Tratadores dizem que filhote pode morrer se não for devolvido à mãe
Um zoológico da Grã-Bretanha está oferecendo uma recompensa de 3 mil libras (cerca de R$ 12 mil) pela devolução de um filhote de pingüim que foi roubado no sábado.

O desaparecimento do filhote, que estava em um zoológico da Ilha de Wight, no sul da Grã-Bretanha, vem provocando comoção no país, com chamadas de capa em alguns dos principais jornais locais nesta quarta-feira.

Uma foto dos pais do pingüim desaparecido ocupa grande parte da capa do jornal The Daily Telegraph.

Com o título “Pais procuram o filhote roubado”, o jornal diz que Oscar e Kayla, dois pingüins de pata preta, “consomem-se por sua cria de três meses, Toga, apanhada por ladrões de um zoológico”.

Dieta especial

Segundo o jornal The Times, os tratadores do zoológico dizem que o filhote, que precisa de uma dieta especial e deve ser mantido em um ambiente frio com muita água fresca, pode morrer se não for devolvido até a noite desta quarta-feira.

Para sobreviver, o pingüim teria de ser mantido perto da mãe, já que não aceita comida oferecida por seres humanos.

Os responsáveis pelo roubo teriam pulado um muro externo de dois metros de altura antes de escalar uma outra barreira de metal e concreto de dois metros e meio de altura para chegar à área onde estão os pingüins.

Segundo o texto de um professor de veterinária publicado pelo The Times, o comportamento dos pais do pingüim, que buscam desesperadamente pelo filhote, indica que eles estão enfrentando o máximo de trauma e sofrimento que um pingüim é capaz de sentir.

Os donos do zoológico acreditam que o roubo pode ter sido motivado pela publicidade em torno do filme A Marcha dos Pingüins.

Segundo o jornal Daily Mail, o dono do zoológico, Derek Curtis, disse estar tão desesperado em ter Toga de volta que o receberia de volta sem fazer perguntas. “Não nos importamos com a polícia nem em levar ninguém aos tribunais”, disse.

 
 
66Lucas Mendes
Pingüins de NY provocam debate entre a direita e gays.
 
 
66Tarsila do Amaral
Obras da pintora são expostas em Paris; veja imagens.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Pingüins fazem exercício para manter o peso no Japão
15 de dezembro, 2005 | Ciência & Saúde
Estudo sobre defecação de pingüim ganha prêmio IgNobel
07 de outubro, 2005 | Ciência & Saúde
Pingüim balança mas não cai
02 de fevereiro, 2001 | Notícias
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade