70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 21 de maio, 2006 - 07h36 GMT (04h36 Brasília)
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Damien Hirst cria obra de arte mais cara do mundo
 
O artista britânico Damien Hirst
Artista diz querer deixar o público pasmo e sem palavras
O artista britânico Damien Hirst está criando a obra de arte mais cara do mundo - uma caveira encrustada com diamantes e cujo preço estimado é de entre 8 e 10 milhões de libras (entre R$ 33 milhões e R$ 41 milhões).

A informação foi dada pelo jornal britânico The Observer. De acordo com o diário, a peça, intitulada For the Love of God (Pelo Amor de Deus), é uma caveira humana convencional e será coberta com 8.500 diamantes.

Para realizar a obra, Hirst está colaborando com uma conceituada companhia de joalheiros de Londres. O artista conta que a parte mais cara da escultura será a testa da caveira, coberta com um diamante de 50 quilates, cujo valor oscila entre 3 e 5 milhões de libras. "Será o projeto mais caro de um joalheiro desde as jóias da coroa", afirma o artista.

Hirst é conhecido por obras polêmicas, como os tubarões e vacas dissecados que ele dispôs em tanques de vidro preenchidos com formol. Segundo Hirst, seu novo trabalho "é bem menos estressante" do que colocar animais mortos dentro de um tanque de formol.

Cifras

A estimativa é que a peça seja vendida por 50 milhões de libras (cerca de R$ 207 milhões). A escultura será mostrada na próxima exposição de Hirst, intitulada Beyond Belief, na galeria londrina White Cube 3, prevista para ser inaugurada em junho de 2007.

O autor da obra mais cara do mundo afirma que sua intenção "é celebrar a vida e mandar a morte para o inferno". "Que melhor maneira de fazer isso do que pegar o símbolo máximo da morte e cobri-lo com o símbolo máximo do desejo, luxúria e decadência?", indaga o artista.

Hirst conta que a única parte da escultura que não será coberta por diamantes serão os dentes, porque, de acordo com o artista, "é preciso um elemento grotesco para que a peça funcione como uma obra de arte. Deus está nos detalhes".

O artista afirma ter se interessado pelo projeto porque "as idéias mais simples são as melhores". Hirst conta querer que o público fique "pasmo e sem palavras" diante de sua caveira luxuosa.

 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Britânico é o mais poderoso do mundo das artes, diz revista
31 de outubro, 2005 | Cultura & Entretenimento
LINKS EXTERNOS
A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo dos links externos indicados.
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade