BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às:
 
Envie por e-mail Versão para impressão
Flerte fora do casamento ajuda relação, diz pesquisa
 
Casal beijando
Paquera pode ajudar a aumentar paixão pelo parceiro
O flerte fora do casamento está ajudando muitos casais a manter a união estável e a relação viva na Grã-Bretanha, de acordo com uma pesquisa.

Segundo levantamento da revista britânica Best, 70% dos britânicos dizem que um flerte inocente faz com que eles se sintam mais confiantes e sexy.

Os britânicos criaram até um termo para designar o tipo de flerte sem conseqüências: “flir-delity” (uma mistura das palavras “flerte” e “fidelidade” em inglês).

De acordo com a pesquisa, feita com cerca de 2,5 mil pessoas, mais de 25% dos britânicos em relações de longa duração dizem que um pouco de atenção de alguém de fora ajuda a aumentar o desejo pelo parceiro. E 22% disseram não se importar que seu parceiro flerte com outros.

Regras

A pesquisa também revelou o que as pessoas consideram como “flir-delity” ou flerte inocente:

  • 80% não vêem nada de mal em elogiar uma pessoa do sexo oposto
  • 58% acreditam que não há nada errado em conversar com outra pessoa em um bar
  • 48% não se sentiria culpados de deixar outra pessoa comprar um drinque
  • 49% acreditam que indiretas e brincadeiras sobre sexo são uma forma inocente de se divertir
  • 89% acreditam que sorrir para um estranho não é um motivo de preocupação

 Estamos sempre aperfeiçoando nossas técnicas de flerte, e para as mulheres, em especial, isso costuma melhorar com a idade
 
Peta Heskell, escritora

Segundo a pesquisa, geralmente são os homens que tentam “esticar” as regras do flerte inocente. Cerca de 10% dos homens acham natural beijar outra pessoa na boca e 17% dizem gostar de trocar emails de flerte e mensagens de texto com outra pessoa, que não a esposa ou namorada. Entre as mulheres, os percentuais caem para 3% e 7%, respectivamente.

Apesar do interesse pela paquera, quase metade (47%) dos britânicos casados ou com relações estáveis disseram não ter vontade de trair seus parceiros, mas se preocupam em manter a vida sexual ativa por muito tempo.

A pesquisa também revelou que, com o tempo, o flerte vai ficando mais natural. Mais da metade das pessoas entre 35 e 44 anos disseram que flertar é um dos passatempos favoritos.

Mulheres confiantes

“Estamos sempre aperfeiçoando nossas técnicas de flerte, e para as mulheres, em especial, isso costuma melhorar com a idade”, afirma a escritora Peta Heskell, autora do livro Manual da Paquera.

No caso das mulheres, 72% disseram que costumam flertar com freqüência.

“Quanto mais confiante e segura uma mulher se sente, mais ela tem vontade de flertar e de exercer sua sexualidade de uma forma segura e inocente.”

A pesquisa revela que homens gostam de mulheres mais confiantes e experientes. Entre celebridades mais desejadas pelos homens, a atriz Liz Hurley (42 anos) e a cantora Kylli Minogue (38) lideraram a lista com preferência de mais de 50% dos homens, deixando para trás mulheres mais jovens como a modelo Nicole Richie (24).

 
 
Foto: Philippe Chancel/Museu das Artes Decorativas de ParisDecoração
Museu é reaberto em Paris após seis anos.
 
 
Fruteira HelvétiaVisual criativo
Designers disputam prêmio em Londres.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade