BBCBrasil.com
70 anos 1938-2008
Español
Português para a África
Árabe
Chinês
Russo
Inglês
Outras línguas
 
Atualizado às: 16 de janeiro, 2008 - 04h20 GMT (02h20 Brasília)
 
Envie por e-mail   Versão para impressão
Lula: Fidel tem boa saúde e está pronto para papel político
 

 
 
Lula e Fidel Castro
Fidel não é visto pessoalmente em público há mais de um ano
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que Fidel Castro está "com uma saúde impecável" e "pronto para assumir o papel político que ele tem em Cuba", depois de se encontrar por duas horas e meia com o presidente licenciado de Cuba.

"A impressão que eu tenho é que Fidel está muito bem de saúde, está com uma lucidez como nos melhores momentos", afirmou Lula a jornalistas no aeroporto de Havana nesta terça-feira à noite, pouco antes de partir de volta para Brasília.

"E eu penso que Fidel está pronto para assumir o papel político que ele tem em Cuba e assumir o papel político que ele tem na história do mundo globalizado e da humanidade."

"Faz tempo tempo que vinha acompanhando pela imprensa a notícia da enfermidade de Fidel Castro", disse Lula.

Grande interesse

O encontro de Lula com Fidel despertou grande interesse da imprensa internacional.

Fidel Castro e Lula se reúnem em Cuba
Há quatro meses não era divulgada uma nova foto de Fidel

Dezenas de jornalistas, cinegrafistas e fotógrafos foram ao aeroporto esperar pelo relato do presidente brasileiro sobre o encontro.

Luiz Inácio Lula da Silva contou que, durante o encontro, Fidel falou bem mais do que ele. "Eu disse a um jornalista cubano, que se um dia eu ficar doente eu quero ter a mesma capacidade de falar que teve o Fidel comigo", disse Lula.

“Porque nessas duas horas e meia que conversamos, Fidel falou duas e eu falei meia hora”, afirmou.

As fotos do encontro dos dois foram as primeiras imagens de Fidel em quatro meses. A última aparição pública havia sido em setembro, quando o presidente licenciado de Cuba deu uma entrevista para a televisão cubana.

As fotos mostram Fidel sorrindo, vestindo agasalho esportivo, com uma blusa azul marinho e vermelha com listas brancas. Foram todas tiradas pelo fotógrafo oficial do governo cubano, já que a entrada do fotógrafo oficial do Planalto não foi autorizada.

O encontro de Lula e Fidel foi cercado de mistério e só confirmado na última hora. O presidente soube da confirmação na hora do almoço, ao chegar à residência do embaixador brasileiro em Havana.

Ele conversou com jornalistas brasileiros logo em seguida, mas não deu a informação. Disse que o encontro ainda dependia do estado de saúde de Fidel.

Depois do almoço, Lula foi para a casa de hóspedes do governo cubano, onde havia ficado na noite anterior, para aguardar a comitiva que o levaria ao encontro de Fidel, que vive em local não divulgado.

Às 16h40 (19h40, hora de Brasília) o grupo formado por Lula, o médico oficial e o chefe da segurança, além da equipe de segurança que sempre o acompanha, foi levado ao encontro de Fidel.

 
 
Dólares Economia
Real dobra em relação ao dólar no governo Lula.
 
 
Presidente Luiz Inácio Lula da Silva Artigo para ONU
Lula defende 'ação nacional para desafio global'.
 
 
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva Pesquisa
Lula 'é líder com melhor imagem na América Latina'.
 
 
NOTÍCIAS RELACIONADAS
Assessor de Lula nega simpatia pelas Farc
08 janeiro, 2008 | BBC Report
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
 
 
Envie por e-mail   Versão para impressão
 
Tempo | Sobre a BBC | Expediente | Newsletter
 
BBC Copyright Logo ^^ Início da página
 
  Primeira Página | Ciência & Saúde | Cultura & Entretenimento | Vídeo & Áudio | Fotos | Especial | Interatividade | Aprenda inglês
 
  BBC News >> | BBC Sport >> | BBC Weather >> | BBC World Service >> | BBC Languages >>
 
  Ajuda | Fale com a gente | Notícias em 32 línguas | Privacidade