EUA e Coreia do Norte concluem diálogo, sem mostras de avanços

Os EUA concluíram nesta sexta-feira dois dias de conversas com a Coreia do Norte, no primeiro contato do tipo em mais de dois anos.

O objetivo é reabrir as negociações sobre o programa nuclear norte-coreano, alvo de críticas e sanções por parte do Ocidente.

Ambos os lados disseram que as conversas foram “construtivas”, mas ninguém deu mostras de que houve algum avanço concreto.

Autoridades americanas disseram que o caminho está aberto para melhorar as relações bilaterais com a Coreia do Norte, caso Pyongyang demonstre comprometimento com o desarmamento.

Seis anos atrás, o recluso regime concordou com negociações semelhantes, em troca de ajuda econômica, mas desde então fez dois testes atômicos que causaram preocupação na adversária Coreia do Sul e no Ocidente.