Governo de Israel autoriza construção de mais casas em Jerusalém ocupada

O governo de Israel deu a aprovação final para a construção de mais de 900 casas em Jerusalém Oriental, uma área de ocupação.

A medida, que visa construir casas para famílias judias no assentamento de Har Homa, foi criticada por grupos pacifistas que a qualificaram de cínica.

De acordo com estes grupos, estas novas construções vão isolar a cidade palestina de Belém das áreas árabes de de Jerusalém Oriental.

Mas, o governo israelense alega que estas construções vão ajudar a a enfrentar o problema da falta de moradia no país.