Índia prende uma das principais ativistas anticorrupção do país

Uma das principais ativistas anticorrupção da Índia foi presa em sua casa em Nova Deli.

Anna Hazare, uma ativista social de longa data, pretendia dar início a uma greve de fome para exigir mais medidas de combate à corrupção.

Assim que a notícia da prisão foi divulgada, correligonários da militante foram às ruas para protestar contra a sua detenção.

Anna Hazare, de 73 anos, já havia realizado uma greve de fome no início deste ano, para fazer com que o governo criasse um ombudsman que investigasse casos de corrupção.

A proposta foi acatada pelas autoridades da Índia, mas a militante vinha exigindo que o ombudsman tivesse autoridade o suficiente para investigar o primeiro-ministro e os juízes do país.