Ministro do Japão renuncia após gafe em planta nuclear

O novo ministro do Comércio do Japão, Yoshio Hachiro, renunciou neste sábado, após gafes cometidas durante uma visita aos arredores da usina nuclear de Fukushima, na quinta-feira.

O ministro chamou a região, afetada por um terremoto seguido de tsunami meses atrás - que provocou vazamentos radioativos na usina -, de “cidade fantasma”, segundo a imprensa local.

Ele também teria encostado em um repórter e dito a ele, em tom de brincadeira: “Vou te passar radiação”.

Os comentários foram interpretados como insensíveis e desencadearam pedidos de renúncia por parte da oposição.

O próprio primeiro-ministro, Yoshuhiko Noda, que indicou Hachiro, opinou que os comentários foram inapropriados.