Vaso chinês da dinastia Ming é vendido por US$ 21,6 milhões

Um vaso chinês do início da dinastia Ming foi vendido em um leilão em Hong Kong por US$ 21,6 milhões (mais de R$ 40 milhões), um recorde mundial para peças de porcelana daquele período.

Estima-se que o vaso azul e branco tenha pelo menos 500 anos de idade. A peça é da coleção Meiyntang e foi adquirida no leilão recorde da Sotheby's de Hong Kong por um comprador anônimo, que deu o lance final pelo telefone.

Apesar do leilão recorde do vaso, a Sotheby's não conseguiu vender outros objetos importantes.

As vendas da casa Sotheby's de Hong Kong são vistas como indicações importantes da força do mercado de arte da Ásia em meio as incertezas econômicas globais.