Cerca de 70% dos tunisianos votam para escolher novo governo

Uma média de 70% dos eleitores tunisianos foram às urnas em todo o país para escolher novos representantes, na primeira eleição livre do mundo árabe desde o início dos protestos em diversos países.

Na Tunísia, alguns dos postos tiveram que permanecer abertos depois do horário previsto para o encerramento da votação para permitir a entrada das pessoas, que se agrupavam em filas.

Segundo oficiais, o comparecimento de eleitores em alguns locais chegou a 80%.

O pleito será para escolher uma nova Assembleia Constituinte, que também deverá indicar um presidente interino para nomear o novo governo.

As manifestações pró-democracia na Tunísia, que começaram em janeiro, inspiraram movimentos que levaram à queda de líderes de países como o Egito e a Líbia.