Berlusconi não consegue acordo para redução de déficit na Itália

O governo de coalizão da Itália fracassou na tentativa de firmar um acordo para reformar o seu sistema financeiro e reduzir o seu déficit a menos de um dia de um encontro da União Europeia.

O premiê italiano, Silvio Berlusconi, havia prometido apresentar propostas concretas de reforma no encontro de quarta-feira em Bruxelas, mas no entanto as reuniões de emergência do seu gabinete terminaram sem novos anúncios na noite de segunda-feira.

Berlusconi está negociando a aprovação das medidas junto ao seu principal parceiro na coalizão – a Liga Norte – que se opõe à maior parte das medidas exigidas pela União Europeia.