Justiça britânica removerá manifestantes da frente de catedral de Saint Paul

A Justiça britânica vai iniciar o processo para remover manifestantes acampados nos arredores da catedral de Saint Paul, em Londres.

A decisão ocorre após a igreja, considerada um patrimônio da humanidade pela Unesco, ser reaberta ao público depois de uma semana fechada por causa do protesto anti-capitalista.

O acampamento de 13 dias já conta com mais de 200 barracas. O processo de remoção pode levar meses.