Estudantes italianos protestam contra plano de austeridade

Milhares de estudantes italianos participam de uma manifestação em Roma no dia em que o novo primeiro-ministro do país, Mario Monti, fala sobre as medidas de austeridade para conter a crise no país.

A manifestação, que pretende ir até o Senado italiano, é contra cortes no orçamento e o aumento no desemprego. O protesto coincide com uma greve geral em toda a Itália no setor de transporte público.

O primeiro-ministro italiano, Mario Monti, por sua vez, pediu aos senadores que aprovem seu governo em um voto de confiança que deve ocorrer ainda nesta quinta-feira.

Na quarta-feira, Monti anunciou o gabinete de governo formado por acadêmicos e empresários.