Rússia elege novo Parlamento em teste de popularidade para Vladimir Putin

Eleitores russos votam neste domingo para eleger os 450 novos integrantes do Parlamento do país.

A votação é vista como um teste de popularidade do primeiro-ministro, Vladimir Putin, que deve concorrer nas eleições presidenciais dentro de três meses.

Putin já foi presidente da Rússia por duas vezes entre 2000 e 2008.

O Kremlin afirma que a eleição deste domingo é livre e justa, mas há alegações de violações das leis eleitorais.

O único grupo independente de monitoramento eleitoral da Rússia, o Golos, entrou com 5.300 reclamações. E a chefe deste grupo foi detida no aeroporto de Moscou no sábado, tendo seu laptop apreendido.