Polêmico jornalista e ateu britânico Christopher Hitchens morre nos EUA aos 62 anos

Morreu em Houston, Texas, aos 62 anos de idade o polêmico escritor, literato e jornalista britânico Christopher Hitchens, autor de <i>Deus não é grande</i>.

A revista americana <i>Vanity Fair</i>, para quem Hitchens escreveu por muitos anos, descreveu-o como "um crítico incomparável, sagaz e inflamado e um destemido bom vivant".

Graduado em Oxford, Hitchens começou sua carreira como jornalista de esquerda na Grã-Bretanha nos anos 1970. Em 1981, se mudou para Nova York e para a direita política.

Atruibui-se a ele o termo "fascismo islâmico", criado depois dos atentados em Nova York em 11 de setembro de 2011.

Seu livro <i>Deus não é grande</i> é uma apologia ao ateísmo. Ele é autor de outros 16 obras.

Em julho de 2010 Hitchens foi diagnosticado com câncer de estômago. A causa de sua morte foi uma pneumonia decorrente das complicações da doença.