Polícia europeia desmantela rede de exploração sexual de crianças

A agência de polícia europeia (Europol) disse ter desmantelado uma grande rede de exploração sexual infantil, ativa em todo o continente.

Segundo a Europol, a operação apreendeu as formas mais grotescas de abusos contra crianças, incluindo vídeos de bebês e crianças de colo sendo estupradas.

A operação levou um ano para ser realizada, revelando, de acordo com a agência, um novo fenômeno de redes de compartilhamento de arquivos, que facilita muito a troca de material online entre os pedófilos.

A Europol prendeu mais de cem pessoas em 22 países europeus.