Judeus ultraortodoxos entram em confronto com a polícia em Israel

Centenas de judeus ultraortodoxos entraram em confronto nesta segunda-feira em Israel, em um momento em que se intensificam as tensões ligadas à campanha pela segregação entre homens e mulheres.

Os conflitos ocorreram na cidade de Beit Shamesh, próxima a Jerusalém, quando a polícia foi chamada para remover uma placa que ordenava a segregação entre os sexos.

A multidão atacou os policiais com pedras, deixando ao menos um deles ferido.

O confronto foi o mais recente episódio de uma série de incidentes que vêm ocorrendo em Israel nas últimas semanas, à medida que as autoridades tentam barrar a tentativa dos ultraortodoxos de restringir a presença de mulheres em lugares públicos.

Ministros israelenses disseram que essa separação é ilegal.