Governador de província argentina morre com tiro na cabeça durante o réveillon

O governador da província de Rio Negro, no sul da Argentina, morreu com um tiro na cabeça quando comemorava a chegada do ano novo com sua mulher.

A polícia local diz que Carlos Soria estava em casa quando o incidente aconteceu, pouco depois das 5 horas da manhã, no horário local.

Seu vice-governador, Alberto Weretilneck, que irá suceder Soria, descreveu a situação como "um acidente doméstico".

A mulher de Soria, Susana Freidos, está sendo interrogada pela polícia, segundo relatos da mídia local.

O governador estava nas primeiras semanas do seu mandato, após ter tomado posse no dia 10 de dezembro.

Ele era um membro do partido governista Peronista da Argentina e foi eleito em Rio Negro com uma grande vantagem.

Após o tiro, Soria foi levado às pressas para o hospital, mas morreu pouco depois.