Desemprego em 2011 é o menor já registrado, diz IBGE

A taxa de desemprego em dezembro de 2011 ficou em 4,7%, a menor já registrada pela Pesquisa Mensal de Emprego (PME), segundo informou nesta quinta-feira o IBGE. Com isso, 2011 fechou com uma média anual de 6%, também representando o menor índice de desocupação desde o início do estudo, em março de 2002.

Dezembro registrou uma queda de 0,5 ponto percentual no desemprego em relação a novembro, quando ficou em 5,2%, e uma redução de 0,6 ponto percentual na comparação com o mesmo mês de 2010, quando foi de 5,3%.

Já a média anual de 2011 ficou 0,8 ponto percentual abaixo da registrada em 2010 (6,7%) e 6,4 pontos percentuais abaixo da de 2003 (12,4%).

Segundo o IBGE, a população desocupada ficou em 1,1 milhão de pessoas em dezembro de 2011, caindo 9,5% na comparação com novembro (menos 119 mil desocupados) e 9,4% em relação a dezembro de 2010 (menos 118 mil pessoas).

Na média anual, os número de desocupados ficou em 1,4 milhão de pessoas, 10,4% a menos que em 2010 (1,6 milhão) e 45,3% a menos que em 2003 (2,6 milhões).

Já a população ocupada de dezembro ficou em 22,7 milhões, mantendo-se estável em relação a novembro e subindo 1,3% na comparação com dezembro de 2010, representando 283 mil ocupados a mais. Na média de 2011, os ocupados somaram 22,5 milhões de pessoas, 2,1% a mais que em 2010 (22,0 milhões) e 21,3% superior a 2003.

Das seis regiões metropolitanas pesquisadas pelo IBGE, Porto Alegre apresentou a menor média anual de desemprego em 2011, com 4,5% - mesmo percentual do ano anterior. A maior média foi registrada em Salvador, com 9,6%, o que representa queda de 1,4 ponto percentual em relação a 2010, quando ficou em 11%.