Cuba nega autorização para viagem de blogueira ao Brasil

A blogueira cubana Yoaní Sanchez diz que não recebeu autorização do governo cubano para viajar ao Brasil.

Após ter o visto de entrada concedido pelo governo brasileiro, Sanchez, que participaria da apresentação de um documentário que tinha sua participação no País, disse em seu perfil no Twitter que teve a saída da ilha negada pela 19ª vez.

Ela publicou ainda uma foto do documento que nega seu pedido, dizendo "Esta é a nova rejeição do meu pedido de viagem... E o Artigo 13 da Declaração de Direitos Humanos, onde está?"

O Artigo 13 estabelece que "todo o homem tem o direito de deixar qualquer país, inclusive o próprio, e a este regressar".

Em visita ao país no início da semana, a presidente brasileira Dilma Roussef disse que o governo brasileiro já havia feito sua parte ao conceder o visto à blogueira. Ela afirmou ainda que não se pode tratar de direitos humanos como ferramenta ideológica para criticar apenas certos países.

Na tarde desta sexta-feira, Yoaní Sanchez postou uma mensagem afirmando que, nas ruas de Havana, algumas pessoas dizem que "Dilma foi para Cuba com a carteira aberta e os olhos fechados."