Moody's pode rebaixar mais de cem instituições financeiras europeias

A agência de classificação de riscos Moody’s colocou mais de cem instituições financeiras europeias em revisão para possível rebaixamento de nota. Entre as empresas estão alguns dos maiores bancos de França e Alemanha, incluindo BNP Paribas e o Deutsche Bank. No total, instituições de 16 países foram afetadas.

O movimento segue o alerta emitido pela Moody's sobre problemas econômicos na Grã-Bretanha e França, na segunda-feira.

A Moody's afirmou ter reduzido a perspectiva das duas economias para "negativo", devido a temores de que elas não conseguirão lidar com as conseqüências da crise da dívida europeia.

A Moody's também havia rebaixado a nota dada a outros seis países europeus: Itália, Portugal, Espanha, Eslováquia, Eslovênia e Malta.

No mês passado, outra agência de classificação de riscos – a Standard & Poor's – havia rebaixado nove países, entre eles a França.

O rebaixamento da nota das agências de risco pode provocar um aumento nos custos de tomada de empréstimos para governos dos países afetados e bancos.