Família é encontrada morta no Japão, aparentemente por falta de comida

Autoridades japonesas estão sendo pressionadas a reagir ao aumento no número de pessoas pobres no país, depois que uma família de três pessoas foi encontrada morta ao norte de Tóquio, aparentemente de fome.

O jornal britânico Guardian explica que os corpos de dois homens e uma mulher (possivelmente um casal de cerca de 60 anos e seu filho, na casa dos 30 anos) foram encontrados em grau avançado de decomposição, dois meses após sua morte, numa residência na cidade de Saitama.

O zelador do prédio disse ter chamado a polícia porque não conseguia fazer contato com a família.

A geladeira da casa estava vazia, e fornecimento de gás e eletricidade estava desligado, por falta de pagamento.

Autoridades municipais dizem que a família não havia se registrado para o recebimento de nenhum benefício social estatal.

A causa da morte, segundo o Guardian, ainda não havia sido confirmada, mas suspeita-se de fome ou suicídio.