Indonésia diz que autoridades da Malásia exploram trabalhadoras domésticas

Diplomatas indonésios na Malásia disseram ter recebido informações de que duas trabalhadoras domésticas de nacionalidade indonésia foram exploradas por funcionários de alto escalão do governo malaio.

Esta é a primeira acusação do tipo desde que os dois países assinaram um acordo para proteger trabalhadoras domésticas na Malásia.

Há dois anos, a Indonésia tinha proibido que cidadãos de seu país trabalhassem como domésticos na Malásia, devido à alta incidência de casos de abuso.

Esta proibição não está mais em vigor. No entanto, os novos casos divulgados nesta segunda-feira podem levar à volta da proibição.