Ativista pró-Tibete morre ao atear fogo ao próprio corpo

Testemunhas disseram nesta terça-feira que um jovem tibetano ateou fogo ao próprio corpo e morreu. O caso aconteceu na província chinesa de Sichuan, no sudoeste do país.

Ativistas pró-independência do Tibete disseram que o rapaz de 18 anos, conhecido apenas como Dorje, fez o protesto radical diante de um prédio do governo, no condado de Aba.

Este é o terceiro incidente fatal do tipo nos últimos dias. Mais de 20 tibetanos, muitos deles monges budistas, teriam ateado fogo ao próprio corpo recentemente em protesto contra a presença do governo chinês no Tibete.