Coreia do Norte afirma ter convidado inspetores nucleares da ONU ao país

O negociador-chefe da Coreia do Norte para o programa nuclear do país confirmou nesta terça-feira que inspetores da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) foram convidados para ir ao país.

Em uma declaração durante uma viagem à China, Ri Yong-ho afirmou que a ação tinha como objetivo implementar um acordo com os Estados Unidos sob o qual a Coreia do Norte concordou em suspender os testes nucleares e com mísseis de longo alcance e permitir a entrada de inspetores da ONU no país em troca de alimentos.

O anúncio do governo norte-coreano de que lançaria um satélite no mês que vem provocou preocupações no governo americano e levantou dúvidas sobre o acordo.

A Coreia do Norte já limitou no passado o acesso aos locais-chave para seu programa nuclear, e ainda não está claro quanto acesso os inspetores da AIEA terão.