Na China, advogados terão que jurar lealdade ao Partido Comunista

Os advogados chineses foram alertados nesta quarta-feira que pela primeira vez na história do país terão que jurar lealdade ao Partido Comunista.

O Ministério da Justiça chinês anunciou que todos os advogados que quiserem obter ou renovar suas licenças profissionais terão que jurar lealdade ao país e ao partido.

O governo acrescentou que o objetivo da nova prática é elevar os padrões morais, profissionais e políticos dos advogados.

A nova instrução foi recebida com preocupação e indignação por advogados de direitos humanos de destaque no país.

Nos últimos anos, as autoridades chinesas aumentaram a pressão sobre advogados que aceitam casos de sensibilidade política, ou usam o sistema jurídico para pressionar por maiores liberdades civis.