Polícia francesa 'entra em edifício' de suspeito de atentados

Policiais franceses teroa, começado a entrar no edifício onde está o homem suspeito de ser o autor do ataque à escola judaica de Toulouse e a três militares no sudoeste da França, Mohammed Merah.

Três explosões foram ouvidas no início da ação policial, ao mesmo tempo em que flashes de luz foram vistos no edifício.

As autoridades dizem suspeitar que Merah - que é franco-argelino - planejava um quarto ataque quando foi encurralado em seu apartamento no início desta quarta-feira.

Acredita-se que ele esteja armado com um rifle, uma pistola-metralhadora e, possivelmente, granadas de mão.