Ministro australiano pede investigação sobre empresa de Rupert Murdoch

O ministro das Comunicações da Austrália, Stephen Conroy, pediu uma investigação policial sobre alegações de que o conglomerado News Corporatin, de Rupert Murdoch, realizou atos de pirataria com o objetivo de prejudicar emissoras de TV adversárias.

O pedido foi feito após alegações publicadas em um jornal australiano de que a News Corporation criou uma unidade para sabotar seus adversários. Alegações similares já haviam sido feitas na segunda-feira, em um programa de TV da BBC, sobre as operações da empresa de Murdoch na Grã-Bretanha.

A News Corporation nega todas as alegações.