Corpo de atirador de Toulouse é 'impedido de ser enterrado na Argélia'

O atirador Mohamed Merah, que matou sete pessoas em distintos ataques em Toulouse e morreu após cerco da polícia, será enterrado na França, informou uma autoridade religiosa muçulmana à agência France Presse.

Abdallah Zekri, do Conselho Muçulmano da França, disse que a Argélia - onde a família de Merah queria que ele fosse enterrado - negou permissão para um enterro em seu solo.

Zekri também informou que, na impossibilidade de viajar à Argélia, a família do atirador pediu que o clérigo organizasse um funeral em um período de 24 horas.