Birmaneses vão às urnas em eleições parlamentares

Cidadãos do Mianmar vão às urnas neste sábado para as eleições parlamentares, que estão sendo vistas como um teste do compromisso do governo militar do país com as reformas democráticas.

A líder da oposição e prêmio Nobel da Paz Aung San Suu Kyi concorre pela primeira vez ao Parlamento, apesar de ter expressado preocupação sobre quão justas e livres as eleições serão.

A correspondente da BBC no país, Rachel Harvey, diz que mesmo que os partidários de Suu Kyi consigam os 45 acentos no Parlamento a que concorrem, isso não mudará o equilíbrio de poder no governo, que é dominado pelos militares e por um partido aliado.

Suu Kyi estava em prisão domiciliar quando as eleições parlamentares foram realizadas há dois anos.