Crescimento chinês volta a reduzir ritmo

A China informou nesta sexta-feira que, no primeiro trimestre deste ano, sua economia cresceu no ritmo mais baixo dos últimos três anos.

Números oficiais apontam que a taxa anualizada de crescimento passou de 8,9% no último trimestre de 2011 para 8,1% - a quinta queda consecutiva do ritmo de seu PIB trimestral.

Observadores dizem que, apesar de os números estarem em consonância com as estimativas do mercado, eles devem aumentar a preocupação com o setor de manufaturados da China, que viu sua demanda decrescer por causa da crise europeia. Ao mesmo tempo, o país asiático tenta aumentar sua demanda interna.