Premiê israelense anuncia coalizão de governo e suspende plano de eleição antecipada

O primeiro-ministro israelense, Binyamin Netanyahu, anunciou um acordo com o maior partido de oposição do país para formar uma nova coalizão de governo.

O acordo foi fechado durante a noite depois de negociações entre o partido de direita de Netanyahu, o Likud, com o partido Kadima, de centro.

No domingo, o primeiro-ministro anunciou planos para a realização de uma eleição antecipada em setembro, um ano antes do previsto, devido à falta de um acordo para formação de uma coalizão.

Netanyahu lidera desde 2009 uma coligação de centro-direita que inclui o seu partido e o Trabalhista de Ehud Barak.