Uma em cada três mulheres sofre violência doméstica, diz relatório

Uma em cada três mulheres no mundo sofre violência doméstica, segundo um relatório publicado nesta terça-feira pela organização americana International Rescue Committee.

No oeste da África, região onde atua há dez anos, 60% dos sobreviventes de violência atendidos pela ONG são vítimas da violência cometida por seus parceiros íntimos.

Em muitos países onde o estupro é usado como arma de guerra, é comum que os soldados mantenham seu comportamento abusivo mesmo depois de regressar à casa, disse a organização.

"Por mais de uma década temos visto uma transição irregular mas progressiva da região rumo à paz. Entretanto, as mulheres ainda vivem em insegurança", afirma o relatório.

"Por toda a Costa do Marfim, Libéria e Serra Leoa, anos depois do fim oficial de guerras civis brutais, as mulheres ainda são intimidadas, ameaçadas e agredidas com uma frequência chocante."

A ONG lembrou que a violência é um problema global e que a proporção de mulheres vítimas de violência doméstica é – por exemplo – de 36% nos Estados Unidos, 37% no Brasil, 15% no Japão