FMI aumenta pressão sobre a Grécia

A diretora-gerente do FMI (Fundo Monetário Internacional), Christine Lagarde, mostrou-se inflexível nesta sexta-feira com respeito à suavização das medidas de austeridade na Grécia.

Em entrevista publicada no site do jornal britânico The Guardian, Lagarde disse que, para resolver seus problemas econômicos, os gregos deveriam pagar seus impostos.

Lagarde disse ainda estar mais preocupada com o sofrimento das crianças da África Subsaariana do que com as pessoas em Atenas. "Eu acho que elas precisam de ainda mais ajuda do que as pessoas em Atenas", afirmou.