Brasil registra maior taxa de crescimento de milionários em 2011, diz estudo

Uma pesquisa conduzida pela consultoria Capgemini junto da gestora de ativos RBC Wealth Management revelou nesta quarta-feira que o Brasil registrou, em 2011, a mais alta taxa de crescimento no número de milionários entre 12 países analisados.

O número de milionários no Brasil passou de 155,4 mil em 2010 para 165 mil no ano passado, um aumento de 6,2%.

Nessa base de comparação, a China ocupou o segundo lugar (+5,2%) e o Japão, o terceiro (+4,8%).

Apesar de registrar a maior taxa de crescimento entre as 12 nações, o Brasil ocupa a 11ª posição no ranking quando se analisa o total de milionários, à frente apenas da Coreia do Sul, que tomou o lugar da Índia.

O estudo considerou como milionário toda pessoa que possui patrimônio de ao menos US$ 1 milhão (excetuando bens patrimoniais).