Avião turco pode ter violado espaço aéreo sírio

O governo da Turquia afirmou que um de seus aviões de combate derrubados pela Síria na sexta-feira pode ter violado o espaço aéreo da Síria.

O presidente turco, Abdullah Gul, disse em uma entrevista à agência de notícias turca Anatolia que é algo rotineiro que aviões de combate voando em alta velocidade cruzarem fronteiras de nações vizinhas.

Gul afirmou que seu governo está em contato com o da Síria por conta do incidente.

Ambos os países estão realizando buscas conjuntas pelos pilotos que ainda não foram encontrados.

Em março deste ano, a Turquia retirou seus diplomatas da Síria, após a escalada da violência no país.

O conflito entre rebeldes e tropas leais ao governo do presidente Bashar al-Assad já matou cerca de 12 mil pessoas na Síria. A Turquia vem pressionando Assad a renunciar.