General próximo de Assad deixa Síria e vai para a França

O governo da França confirmou nesta sexta-feira que um general de uma família importante da Síria, próxima do presidente Bashar al-Assad, abandonou o país.

O Ministério do Exterior francês informou que o general Manaf Tlass está a caminho de Paris.

Tlass teria se afastado da liderança síria por discordar a repressão violenta aos protestos contra o governo do país.

O pai do general foi, durante muitos anos, próximo do pai do presidente sírio.

A família do general é muçulmana sunita. Já a família de Bashar al-Assad é alauita.