Juros de títulos das dívidas da Espanha e Itália registram aumento

Os juros dos títulos das dívidas da Espanha e Itália registraram aumento antes da reunião dos ministros da Economia dos países da zona do euro, nesta segunda-feira.

O retorno pelos títulos públicos espanhóis com vencimento em dez anos, que são vistos como fortes indicadores da taxa de juros que o governo terá que pagar para conseguir empréstimos, subiu para acima de 7%. Já o retorno títulos públicos italianos aumentou para 6,1%.

Juros acima de 7% são considerados insustentáveis no longo prazo.

Itália e Espanha querem que os acordos fechados na reunião do mês passado dos países membros da zona do euro sejam colocados em prática do mais rápido possível, tornando mais fácil o uso dos fundos de ajuda do bloco.

Mas, outros países que usam a moeda europeia, como a Finlândia e a Holanda, estão relutantes em aceitar a responsabilidade coletiva pelas dívidas de outros países.

Os ministros da Economia dos países da zona do euro se reúnem nesta segunda-feira em Bruxelas.