Políciais egípcios são mortos em ataque na fronteira

Um grupo armado matou ao menos 13 policiais egípcios ao tentar cruzar a fronteira do país com Israel.

Segundo autoridades egípcias, os atiradores roubaram dois veículos blindados após matar os policiais e em seguida atacaram um posto de fronteira israelense.

Israel afirmou que um dos veículos foi destruído por sua força aérea. O outro teria sido atingido por tropas terrestres.

A identidade do grupo, assim como sua motivação, não foram divulgados. A TV estatal egípcia culpou "militantes islâmicos".