Atiradores são mortos em confrontos na península do Sinai

Vários atiradores foram mortos neste domingo em vários locais da península do Sinai, no Egito, durante a última operação do Exército.

Forças de segurança também fizeram disparos contra atiradores na estrada para o ponto de entrada na fronteira de Gaza e de Rafah.

A violência começou no último domingo, quando 16 guardas de fronteira foram mortos no pior ataque às tropas do Egito no Sinai nas últimas décadas.

Localizada na fronteira entre o Egito e Israel, a península é tradicionalmente um ponto de tensão e conflitos na região.