Protesto de muçulmanos leva à destruição de aldeias budistas em Bangladesh

Atualizado em  30 de setembro, 2012 - 15:40 (Brasília) 18:40 GMT

Manifestantes muçulmanos atacaram aldeias budistas em Bangladesh, em protesto por uma imagem de um Corão (livro sagrado do islã) queimado ter sido postada no Facebook.

Segundo testemunhas, uma multidão enfurecida ateou fogo a templos budistas, destruiu estátuas e monastérios, atacou casas e forçou a fuga dos moradores locais. A violência começou no sábado, mas se estendeu por este domingo.

"Antes de atear fogo à minha casa, eles saquearam tudo", disse um morador de uma das aldeias atacadas.

Autoridades impuseram um toque de recolher na região e a polícia está patrulhando as ruas.

O ministro do Interior de Bangladesh, Mohiuddin Khan Alamgir, visitou a região atacada e disse que a violência foi "um ato premeditado e deliberado contra uma minoria".

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.