Grupo rebelde somali se retira de seu último bastião urbano

Atualizado em  29 de setembro, 2012 - 07:23 (Brasília) 10:23 GMT

O grupo rebelde islâmico Al-Shabbab, da Somália, se retirou neste sábado de partes da cidade portuária de Kismayo, seu último bastião urbano e uma importante fonte de divisas para o grupo.

Moradores afirmaram que os rebeldes abandonaram a cidade durante a madrugada e que seus escritórios foram saqueados.

A retirada ocorre após as forças do Quênia e da Somália terem atacado militantes do Al-Shannan na periferia de Kismayo na manhã de sexta-feira.

Os Exércitos regulares ainda não entraram na cidade, por temor de uma possível emboscada do grupo rebelde.

Um porta-voz do Al-Shabbab afirmou que a retirada foi tática e ameaçou contra-atacar se as tropas da União Africana entrarem em Kismayo.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.