Presidente da Geórgia admite derrota nas eleições parlamentares

Atualizado em  2 de outubro, 2012 - 09:10 (Brasília) 12:10 GMT

O presidente da Geórgia, Mikheil Saakashvili, confirmou nesta terça-feira a derrota de seu partido nas eleições parlamentares do país.

Ele afirmou que a coalizão de oposição "Sonho Georgiano", liderado pelo homem mais rico do país, Bidzina Ivanishvili, obteve a maioria das 150 cadeiras do Parlamento.

Ivanishvili disse que espera se tornar primeiro-ministro e que, uma vez no cargo, estreitará as ligações com a Rússia e buscará a adesão do país à Otan.

O primeiro-ministro da Rússia, Dmitri Medvedev elogiou a vitória da coalizão de oposição, no que chamou de "forças construtivas no Parlamento da Geórgia".

É a primeira vez que o poder na Geórgia muda de mãos desde o fim da União Soviética, em 1991.

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.