Departamento de Estado dos EUA culpa Hamas por onda de violência em Israel

Atualizado em  15 de novembro, 2012 - 20:18 (Brasília) 22:18 GMT

O Departamento de Estado dos Estados Unidos emitiu nesta quinta-feira uma nota em que condena o lançamento de um foguete de Gaza em direção ao sul de Israel e atribui a onda de violência na região ao Hamas, que classificou como grupo "terrorista".

"Nós condenados fortemente o lançamento de um foguete de Gaza ao sul de Israel e lamentamos que civis inocentes israelenses e palestinos estejam sendo mortos e feridos por causa da violência subsequente", informou a nota, assinada por Mark C. Toner, vice-porta-voz do departamento de Estado.

"Não há jusfiticativa para a violência que o Hamas e outras organizações terroristas estão empregando contra as pessoas de Israel. Nós pedimos aos responsáveis que interrompam imediatamente esses atos covardes", acrescentou o comunicado.

A nota diz ainda que os Estados Unidos apoiam "o direito de Israel de se defender" e encoraja o país a continuar recorrendo "a todos os esforços para evitar a morte de civis".

Segundo o Departamento de Estado, "o Hamas alega que atua no melhor dos interesses do povo palestino, mas continua a agir com violência, o que é contraproducente para a causa (da região)".

"Atacar Israel quase todos os dias não contribui em nada para os palestinos de Gaza ou para que a região alcance sua autonomia", concluiu o comunicado.

Leia a nota na íntegra (em inglês): Clique http://www.state.gov/r/pa/prs/ps/2012/11/200551.htm

Tópicos relacionados

BBC © 2014 A BBC não se responsabiliza pelo conteúdo de sites externos.

Esta página é melhor visualizada em um navegador atualizado e que permita o uso de linguagens de estilo (CSS). Com seu navegador atual, embora você seja capaz de ver o conteúdo da página, não poderá enxergar todos os recursos que ela apresenta. Sugerimos que você instale um navegados mais atualizado, compatível com a tecnologia.